segunda-feira, 30 de dezembro de 2013

FELIZ 2014...SUPERAR TODAS AS EXPECTATIVAS COM FÉ EM DEUS ACIMA DE TUDO

Por: Junior Oliveira

BÊNÇÃO OU FLAGELO? HIDRELÉTRICA DE BELO MONTE, AINDA DIVIDE OPINIÕES EM ALTAMIRA


Para 43% de seus moradores, segundo pesquisa Datafolha, a cidade ficará melhor quando terminar a construção da usina, em 2019. Outros 44% predizem que ela estará pior -um claro empate técnico (a pesquisa de opinião tem margem de erro de cinco pontos percentuais, para mais ou para menos).

Já quando se trata do presente e de ganhos pessoais, Belo Monte conquista a aprovação da maioria dos altamirenses: 51% dos ouvidos acham que a hidrelétrica lhes trouxe mais benefícios que prejuízos. A razão, óbvia, é a geração de empregos, apontada por 66% como principal ponto positivo da obra.


A cidade vive uma espécie de "corrida do ouro" desde o início das obras, há dois anos e meio. O empreendimento de R$ 30 bilhões fez a população altamirense saltar de 100 mil, no Censo de 2010, para mais de 140 mil, na avaliação da prefeitura. 
Movimento em uma das principais ruas de Altamira, por onde passam todos os
ônibus que levam e trazem diariamente os trabalhadores da obra de Belo Monte
Como resultado, a infraestrutura urbana, que já era precária, entrou em crise. O trânsito piorou muito, com o inchaço súbito da frota de motocicletas e a falta de fiscalização. Quase um terço dos entrevistados pelo Datafolha dizem dirigi-las sem a necessária habilitação.

Quando a obra terminar e todas as 24 turbinas estiverem funcionando, a capacidade instalada de Belo Monte será de 11.233 megawatts (MW). Mas, como tem reservatórios pequenos, a usina vai gerar uma média de apenas 4.571 MW.
Oleiros trabalham na queima de tijolos na olaria artesanal dos Panelas em Altamira

Empregos fazem maioria apoiar a usina de Belo Monte

O início da construção da usina de Belo Monte no rio Xingu, em junho de 2011, gerou milhares de empregos -25 mil só nos três canteiros da obra- e movimentou o comércio de Altamira. Não é de estranhar, assim, que 57% de seus moradores se declarem a favor do empreendimento, segundo pesquisa Datafolha.
Menos de um terço dos entrevistados (27%) se posiciona contra a usina hidrelétrica. Apenas 14% se dizem indiferentes a ela.

Com 159,5 mil km² (oito Sergipes, ou meia Itália), Altamira é o maior município do Brasil, mas está longe de ser o melhor. Seu índice de desenvolvimento humano (IDH) é 0,665, bem no meio do ranking nacional (2.776ª posição entre 5.565 cidades).
Fila de trabalhadores do CCBM, Consórcio Construtor de Belo Monte,
durante a madrugada, aguardando para receber o pagamento em frente
ao RH da empresa em Altamira
Embora boa parte da obra se localize no município vizinho de Vitória do Xingu, é Altamira que recebe o maior impacto de Belo Monte, por ser a maior cidade daquela região paraense.

Dos três componentes do IDH, só a longevidade dos habitantes deixa Altamira (0,811) perto da média nacional (0,816). Renda (0,662 ante 0,739) e educação (0,548 ante 0,637) são seus dois calcanhares de aquiles.

Não só. Saneamento básico é outro problema agudo. Até agora, como tantas cidades da Amazônia, Altamira tinha índice zero de coleta e tratamento de esgotos, que correm in natura pelas sarjetas e assim são lançados nos igarapés (riachos).
Moradores circulam por passarelas precárias entre as palafitas
próximas ao igarapé Ambé
Em contrapartida socioambiental por Belo Monte, a empresa Norte Energia assumiu o compromisso -entre dezenas de "condicionantes" estabelecidas pelo Ibama (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis)- de dotar a cidade toda com redes de água e esgotos.

As obras estão atrasadas, mas podem ser vistas por toda a cidade. Também só começaram a ser construídas em agosto as 4.100 casas que a empresa se comprometeu a fazer para a população que precisará ser reassentada.

Só 3% dos entrevistados pelo Datafolha apontam espontaneamente a questão sanitária como ponto negativo da construção de Belo Monte, porém. Os campeões de queixas são a falta de segurança (39%) e os congestionamentos e acidentes de trânsito (20%).

Em apenas duas semanas, a reportagem da Folha testemunhou pelo menos três acidentes com motos e carros. Bebedeiras e brigas são frequentes nos bares da orla do rio, sobretudo nos fins de semana e após o pagamento de operários do Consórcio Construtor de Belo Monte (CCBM), grupo de empreiteiras contratado pela Norte Energia.

Quase um terço (32%) dos moradores ouvidos pelo Datafolha afirmam que tiveram algum parente ou amigo assassinado nos últimos dois anos. Além disso, 17% dos residentes contam ter sofrido roubo, assalto ou agressão nesse mesmo período.
Casas em construção que irão abrigar os moradores deslocados das áreas
 que ficarão alagadas em Altamira
AVALIAÇÃO POSITIVA: O Datafolha entrevistou separadamente, em Altamira, 246 trabalhadores da obra da usina e colheu entre eles muitas opiniões favoráveis ao empreendimento.

A maioria dos entrevistados é de forasteiros: 59% são de fora do Pará e só 14% nasceram em Altamira. Dois terços estão na área há menos de um ano, e metade não pretende ficar. Entre os casados, apenas 40% têm a mulher ou marido morando na cidade.

Apesar do isolamento, 64% dos operários de Belo Monte aprovam as condições de trabalho e 57% se dizem muito satisfeitos com ele. Outros 89% consideram ótimo ou bom o conforto nos alojamentos, onde mora a maior parte da força de trabalho da usina em construção.

A avaliação positiva se estende à própria hidrelétrica. O contingente de trabalhadores a favor de sua construção (88%) é significativamente superior ao de altamirenses que a apoiam (57%) -como seria de esperar de quem deve a ela seu emprego atual.
Clique na imagem para melhor visualização

Clique na imagem para melhor visualização

Clique na imagem para melhor visualização

Clique na imagem para melhor visualização

Clique na imagem para melhor visualização
Fonte: Anapuemfoco

domingo, 29 de dezembro de 2013

LUTO: O BLOG BRASIL NOVO EM FOCO ESTÁ DE LUTO EM SENTIMENTO A FAMÍLIA DO AMIGO CIRINEU SANTOS

Uruara perde uma grande mulher, guerreira e sempre extrovertida Lédina Ferreira 32 anos nascida em 2 de maio de 1981 deixa 2 filhos.

Lédina Ferreira
Casada com Cirineu Santos assessor de comunicação da prefeitura municipal de Uruará Lédina passou mal no ultimo dia 14 e foi encaminhada para o hospital municipal de Uruará, diante de uma gravidez continuou internada e no dia 18 teve um quadro hemorrágico e teve que passar por um cirurgia as pressas onde a mesma se recuperou e recebeu alta no ultimo dia 23. No dia 26 Ledina apresentou umas manchas na pele e voltou para o hospital onde foi encaminhada para o Hospital Regional da Transamazônica.
No final do dia de ontem Lédina teve mais uma hemorragia e fortes dores de cabeça e foi encaminhada para a UTI, onde o caso passou de grave para gravíssimo vindo assim a óbito nessa madrugada. A população Uruaraense esta de luto pela perda.

Fonte: uruaraemfoco

sexta-feira, 27 de dezembro de 2013

ALTAMIRA: HOMEM MORRE DE CAUSAS NATURAIS NA COMANDANTE CASTILHO


Morte natural
A família de José Francisco, acordou em prantos na manhã desta quinta-feira (26), sobrinhos encontraram o tio morto dentro de uma rede onde costumava dormir, segundo informações da polícia militar que estava no local, o homem teria passado a noite bebendo com amigos e durante a madrugada por algum motivo Francisco terminou morrendo.
Os bombeiros chegaram a ser acionados mas a vítima já estava em óbito, a PM registrou o caso e resguardou o local até a perícia que apenas detectou a morte natural possivelmente por coma alcoólico, a família não permitiu imagens no interior da casa, moradores dos arredores acompanharam a movimentação.
O corpo será velado pelos familiares e sepultado nesta sexta-feira.

Por: Felype Adms

sábado, 21 de dezembro de 2013

BRASIL NOVO: MUNICÍPIO RECEBEU NA SEXTA-FEIRA UM CAMINHÃO CAÇAMBA DO PROGRAMA DE ACELERAÇÃO DO CRESCIMENTO (PAC2)

Nesta Sexta-Feira o município de Brasil Novo situada no sudoeste paraense cidade ao longo da rodovia transamazônica recebeu um caminhão caçamba, essa ação faz parte da segunda fase do programa de aceleração do crescimento (PAC2) , O município de Medicilândia, foi o local escolhido para a solenidade de entrega dos caminhões e máquinas que aconteceu na praça da amizade no centro da cidade. Brasil Novo hoje conta com uma população de aproximadamente 15.690 mil habitantes segundo IBGE 2010, o município possui zona rural maior que a urbana, com mais de 11 mil pessoas e cerca de três mil agricultores familiares.
Conforme o delegado federal do MDA no estado, Paulo Cunha, dentre os beneficiados com a entrega estão todos os nove municípios da Transamazônica do Território do Baixo Amazonas e cinco do Território da BR 163. Ao todo, 109 municípios do Pará receberão motoniveladoras e caminhões-caçamba. Hoje, todos os 109 municípios que possuem menos de 50 mil habitantes no estado já receberam retroescavadeiras e 41 receberam motoniveladoras. Os municípios beneficiados são: Almeirim, Anapu, Aveiro, Belterra, Brasil Novo, Curuá, Faro, Jacareacanga, Juruti, Medicilândia, Mojuí dos Campos, Novo Progresso, Óbidos, Pacajá, Placas, Porto de Moz, Prainha, Rurópolis, Senador Jose Porfírio, Terra Santa, Trairão, Uruará e Vitória do Xingu.

Texto e Foto: Junior Oliveira

EX-PRESIDIÁRIO É MORTO COM TIRO DE ESPINGARDA EM FRENTE DA SUA CASA


enviado por Joabe Reis do Sistema Regional de Comunicação em 20/12/2013 14:46
Mais um homicídio na cidade de Uruará
Um ex-presidiário foi morto a tiro na noite desta quinta-feira, 19, no Bairro Cachoeirinha, região oeste da cidade de Uruará. De acordo com informações da polícia civil que investiga o homicídio, Ailson Rosa da Silva, 35 anos, conhecido como Zim, era ex-presidiário, e respondia processo por um homicídio cometido no município de Marabá, ele também havia sido preso no dia 6 de setembro pela polícia civil de Uruará pelo crime de violência doméstica após ele ingerir bebida alcoólica, ameaçar de morte a esposa e quebrar móveis e itens domésticos.
Ainda de acordo com informações da polícia civil o homicídio desta quinta-feira aconteceu por volta das 19 horas e 30 minutos, Ailson foi atingido por um disparo de espingarda calibre 28 quando saia da sua residência no Bairro Cachoeirinha onde não há iluminação pública, o autor do disparo estava escondido em uma casa em construção esperando pelo momento de atirar. A polícia civil, através dos investigadores Eladio e Tadeu sob o comando do delegado Godofredo Borges, investiga o caso. O autor do homicídio ainda é de identidade desconhecida.

sexta-feira, 20 de dezembro de 2013

REI DO BREGA: NESTA MANHÃ MORREU DE FALÊNCIA MÚLTIPLAS DOS ORGÃOS O CANTOR REGINALDO ROSSI

REI DO BREGA: Morre o cantor Reginaldo Rossi

Foto: Cecília Sá Pereira/DP/D. A Press
Foto: Cecília Sá Pereira/DP/D. A Press

Nenhuma metáfora de bar, tristeza ou desilusão conseguirá traduzir, nesta sexta-feira, às 9h40, a dor da partida do Rei do Brega, o cantor Reginaldo Rossi. O artista pernambucano de 70 anos morreu depois de permanecer 23 dias internado no Hospital Memorial São José, na Boa Vista, no Recife. Ele havia sido internado com dores no tórax e nas costas, mas descobriu a existência de um tumor no pulmão, enfrentou sessões de quimioterapia, hemodiálise e precisou de sedação e ajuda de aparelhos para tratar a doença.
Relembre a trajetória de Reginaldo Rossi na galeria de imagens


A informação foi confirmada pelo médico Murilo Guimarães, pneumologista do cantor e compositor. Ele teve falência de múltiplos órgãos.
Reginaldo Rossi entra para a história da música como uma das vozes mais românticas do país. Em mais de 50 anos de carreira, ele cantou os desencontros do sentimento humano, especialmente ilusões, fetiches, dores e desamores comuns aos relacionamentos. Contemporâneo de uma geração tachada de brega por cantar canções idolatradas pelo povo, ao lado de Odair José, Amado Batista, Wando, Agnaldo Timóteo, Fernando Mendes, entre outros, Rossi inverteu a lógica do rótulo e abriu espaço para um gênero musical marginalizado no Brasil.
O cantor reformulou o conceito de brega e, com músicas e declarações, esfregou na cara da sociedade a incoerência entre a crítica e a vida real. Democratizou os sentimentos, uniu pobres e ricos nas emoções e na mesa do bar, universalizou a dor, o amor, o chifre e a alegria da roedeira ao pé de um garçom, definido por ele como o confessor da humanidade, personagem inspiração para o maior sucesso musical. "Quando o chifre dói, o diploma cai da parede", "Não há quem não bregue depois de três doses" e "No mundo inteiro, é romântico, mas, aqui, quem faz romantismo é brega" foram frases de uma filosofia levada adiante em mais de 300 composições gravadas ao longo da carreira.
Dono de uma uma cabeleira fora dos padrões de beleza, de uns óculos escuros onipresentes, camisa sempre aberta no peito e uma voz inconfundível, Reginaldo fez sucesso incontestável para além das fronteiras do estado. Começou com o rock e o balanço da Jovem Guarda no grupo Silver Jets. Depois, em carreira solo, enveredou pelas músicas românticas. Dominou o Norte e o Nordeste. Com a canção Garçom, lançada em 1986, chegou ao restante do país e se consolidou como artista nacional.
Reginaldo Rossi assumiu a condição de popular das músicas às declarações. Orgulhava-se de preferir os termos usuais para compor, em vez de se valer das palavras rebuscadas agradáveis apenas à crítica. "Eu canto para o povão", mandou avisar por meio dos médicos, já do leito do hospital. As letras sempre remeteram à simplicidade: a tristeza depois de ser deixado pela pessoa amada, os suspiros nas carícias do casal, a traição, o bailinho, a ausência e a canalhice. Vieram A raposa e as uvas, Mon amour, meu bem ma femme, Tô doidão, Deixa de banca, Garçom.
Com o microfone nas mãos, desferiu golpes duros no machismo, ao exigir igualdade amorosa para as mulheres, criticou a hipocrisia homofóbica, deu leveza ao chifre, calo social brasileiro muitas vezes combustível para atos de violência. “Por que o homem pode chifrar, chifrar, chifrar e a mulher não pode fazer nada?”. Rossi deu transparência ao sentimento.
O cantor havia se apresentado pela última vez em João Pessoa, depois de enfrentar três apresentações seguidas no Manhattan Café-Theatro, em Boa Viagem, no Recife. Estava com show marcado no revéillon, no Pina, Zona Sul do Recife, cidade cujo hino informal é uma de suas composições mais adoradas: "Recife, a minha cidade, o meu lugar". Fumante inveterado de mais de dois maços de cigarro ao dia, consumidor de uísque misturado com Coca-Cola e jogador contumaz de pôquer, Reginaldo deixa a esposa Cileide e o filho Roberto. Mais: deixa órfã uma legião de fãs acostumados a cantar, sorrir e chorar ao som de letras capazes de desvendar e espalhar cada retalho da alma humana.


Fonte:http://www.diariodepernambuco.com.br

quinta-feira, 19 de dezembro de 2013

PARÁ: ANA JÚLIA ESTÁ INELEGÍVEL E FOI CONDENADA PELO TRE

Ana Júlia está inelegível foi condenada pelo TREA ex-governadora do Pará, Ana Júlia Carepa, está inelegível até 2018. Essa foi a decisão do pleno do TRE (Tribunal Regional Eleitoral), que a condenou na terça-feira (17) por abuso de poder econômico, político e de autoridade. A pena começa a ser contada a partir das eleições de 2010.Ela foi condenada durante o julgamento da Ação de Investigação Judicial Eleitoral ajuizada pela Coligação Juntos com o Povo (PPS, DEM, PSDC, PRTB, PMN, PRP e PSDB), onde também apareciam como denunciados o candidato a vice na chapa de Ana Júlia, Anivaldo Vale, o ex-secretário de Planejamento, Orçamento e Finanças durante a gestão petista, José Júlio Ferreira Lima, Fernando Carneiro e Coligação Frente Popular Acelera Pará (PT, PRB, PP, PDT, PTB, PTN, PSC, PR, PHS, PV, PSC). Conforme a denúncia, nos meses de junho e junho de 2010, foram publicados, no Diário Oficial do Estado, mais de 100 extratos de convênios com prefeituras cujos gestores seriam de partidos aliados ao governo do PT, para a transferência voluntária de recursos oriundos do empréstimo de R$ 366 milhões obtidos através do BNDES. As transferências ocorreram próximo às eleições daquele ano, portanto, em periodo vedado pela Justiça Eleitoral.Na ação ajuizada, a coligação impetrante observa que a Lei não restringe a assinatura de convênio, mas restringe a transferência de recursos para obras novas, dentro do período eleitoral. Ana Júlia já havia sido condenada à inelegibilidade pelo repasse de verbas a prefeituras em período vedada, pelo mesmo Tribunal.Em nota, a assessoria de comunicação de Ana Júlia Carepa informou que recorrerá da decisão junto ao TSE-Tribunal Superior Eleitoral.Fonte: ORM News

BELO MONTE: COMEÇA A DESMOBILIZAÇÃO DAS OBRAS EM BELO MONTE, PA

Começa desmobilização das Obras em Belo Monte, PA

A Norte Energia ressalta sua preocupação  com os graves problemas que podem ser causados para a população da região do empreendimento e em especial para a saúde pública dos municípios abrangidos pelas obras.A Norte Energia informou na manhã desta quinta-feira (19), que já foi notificada da decisão judicial da 5ª Turma do TRF da 1ª região, e já iniciou o plano de desmobilização dos trabalhos em todos os canteiros de obras da Usina na volta grande do Xingu. Os trabalhadores estão sendo liberados paulatinamente até que sejam mantidos apenas os serviços essenciais, como transporte, alimentação e atendimento médico hospitalar.A Norte Energia já informou a justiça que está desmobilizando os trabalhos e disse ainda que a logística para tal ato é gigantesca e requer cuidados, principalmente com a segurança.NOTA NA ÍNTEGRA:
A Norte Energia  informa  que foi notificada por e-mail  no  final do dia de ontem (18/12/2013 – às 17:58),  da Decisão proferida pela 5ª Turma do Tribunal Regional Federal da 1ª Região, TRF1, determinando a paralisação das obras do empreendimento da Usina Hidrelétrica Belo Monte.  A empresa informa que  está  tomando todas as providências cabíveis  para que,  de forma planejada e com total segurança,  mantenha a integridade física de todas as trabalhadoras e trabalhadores da Usina Hidrelétrica de Belo Monte, e possa dar cumprimento à decisão proferida pela 5ª Turma pelo TRF1.  Atualmente, as obras da Usina contam com um efetivo de mais de 20 mil trabalhadores. Neste sentido, qualquer paralisação das obras demanda um plano de contingência com segurança,  incluindo uma gigantesca  logística de desmobilização e  a manutenção de serviços essenciais tais  como   alimentação, transporte, segurança e atendimento médico.
 
A Norte Energia informa, ainda,  que nesta manhã está peticionando junto aos membros da 5ª Turma do TRF1 o seu Plano de Desmobilização  Programado com a suspensão dos recursos para as obras  da UHE Belo Monte   incluindo as ações referentes às condicionantes como a  construção de  hospitais, casas, escolas, saneamento básico,  aterros sanitários, estações de tratamento de água e de esgoto, pavimentação , e obras nas aldeias indígenas, bem como o fornecimento de medicamentos, transporte escolar, pagamentos de equipes de saúde e insumos para produção agrícola em todas as aldeias indígenas  incluídas no Projeto Básico Ambiental do Componente Indígena. 
 
A paralisação será realizada de forma segura e programada, mas a  Norte Energia ressalta sua preocupação  com os graves problemas que podem ser causados para a população da região do empreendimento e em especial para a saúde pública dos municípios abrangidos pelas obras.
 
Assessoria de Imprensa – Norte Energia
Ofício enviado pela Norte Energia ao CCBM pedindo a paralisação dos trabalhos em Belo Monte!

quarta-feira, 18 de dezembro de 2013

ALTAMIRA: FALSO DISCURSO DA BURGUESIA


Por Vitoriano Bill
Quando a correlação de forças entre a classe trabalhadora e a classe dominante se acirra, aparecem dois discursos falsos por parte da burguesia: o da paz e o da ordem.
A Paz defendida pela burguesia, é uma paz que mata de fome, desnutrição, falta de segurança pública, falta de leitos nos hospitais, e outras mazelas sociais.
A Ordem propagada e defendida com tanta badalação pela burguesia, é uma Ordem que é preconceituosa, racista, machista, homofóbica, que saqueia os cofres públicos, leis que reprime o povo, criminaliza quem ousa contestar esse modelo social vigente.
Nisso vêm acusar quem rejeita essa paz e essa ordem, de baderneiros, desinformados, analfabetos, selvagens, vândalos.  . Esse discurso é o máximo que eles conseguem fazer, pois não há outro caminho no debate. Afinal, vão justificar o injustificável?
Essa burguesia e seus empregados com mentalidade de opressor, até agora não conseguiram provar que o projeto de lei que altera o Código Tributário não trás desvantagem pra população. Nós, insistimos que o debate deve ser massificado, em vez disso, fizeram duas reuniões na Câmara durante o dia, quando as pessoas estão trabalhando e impedidas de participar. Esse código deve ser construído com o conjunto da população de Altamira, e não feita no gabinete e empurrado goela abaixo no povo.
A população têm duas formas de lutar: a judicial e a pressão popular.
Sabemos o quanto essa justiça burguesa é “justa”. As leis num Estado burguês nada mais são do que uma ferramenta da classe dominante pra legalizar os crimes cometidos pelos que estão no poder. Mas mesmo assim, não abandonamos essa via. Fazemos a luta judicial sim, ao contrário do que nos acusam, mesmo sabendo pra onde tenderá o resultado.
Mas, o que causa medo mesmo, é o povo organizado, dizendo o que está errado, dizendo o que deseja. Isso se chama PRESSÃO POPULAR. Isso, essa elite truculenta, não admite, são como os donos da Casa Grande na época da escravidão, desejam ser inconteste.
A Paz e a Ordem que queremos, está longe do que é oferecido por eles.
Queremos Direitos, não migalhas. Chega da política do pão e circo, chega de assistencialismo. Chega desse discurso ultrapassado que somos baderneiros, já não convence mais ninguém, acho que nem a quem o faz.
Crime quem comete, são vocês que estão no governo e negam nossos direitos, e querem nos calar.  Quem nos criminaliza, deveriam olhar a seu redor e ver a realidade nos qual somos obrigados a viver. Um caos instalado dentro dessa ordem que vocês tanto defendem.

Justifiquem por A mais B a reestruturação desse Código tributário, e nos mostrem pra onde vai todo o recurso arrecadado pela prefeitura. Coloquem o custo de cada obra nas placas. E nos tratem com respeito, e não duvidem a recíproca será verdadeira.

CAPES ABRE PRÉ-INSCRIÇÕES PARA CURSOS DO PARFOR

Estão abertas, até 13 de janeiro de 2014, as pré-inscrições para concorrer às vagas dos cursos de licenciatura, na modalidade presencial do Plano Nacional de Formação de Professores da Educação Básica (Parfor). Os cursos ofertados pelas instituições de ensino superior (IES) são inteiramente gratuitos.
Para 2014, serão ofertadas 37.816 mil vagas em diversos cursos de licenciatura pelas IES parceiras da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes). Para saber os dados da oferta de 2014 e fazer a pré-inscrição no curso desejado é necessário acessar a Plataforma Freire.
11A comprovação do exercício da docência é verificada no ato da pré-inscrição, assim, os professores, para realizar suas pré-inscrições, devem estar cadastrados no Educacenso na função “Docente” ou “Tradutor Intérprete de Libras”.
Validação
As pré-inscrições deverão ser validadas na Plataforma Freire pelas secretarias de educação estadual ou municipal a qual o professor está vinculado, no período de 14 de janeiro a 28 de fevereiro de 2014. É importante ressaltar que a pré-inscrição e a validação não garantem a matrícula do professor. A realização da matrícula depende de aprovação em processo seletivo definido pela IES e do atendimento às regras do programa para a formação das turmas.
Parfor
O Parfor oferece turmas especiais em cursos de primeira licenciatura, para docentes em exercício na rede pública de educação básica que não tenham formação superior ou que, mesmo tendo esta formação, queiram realizar o curso na disciplina que atua em sala de aula e para a qual não tem a formação; segunda licenciatura, para docentes em exercício há pelo menos três anos na rede pública de educação básica e que atuam em área distinta da sua formação inicial; e formação pedagógica, para docentes graduados não licenciados que se encontram em exercício na rede pública de educação básica.
Mais informações pela Central de Atendimento (0800 616161, opção 7) ou pelo Fale Conosco, opção Educação Básica/Plataforma Freire.
Autor: Capes/MEC

PREFEITO(A) QUE PIORAR O IDEB PODERÁ FICAR INELEGÍVEL POR CINCO ANOS


Prefeitos de cidades que registrarem piora nos índices de qualidade da educação podem ficar inelegíveis por cinco anos caso seja aprovada a Lei de Responsabilidade Educacional, cujo texto deve ser apresentado quarta-feira na Câmara Federal. O não cumprimento do gasto mínimo de investimento na área e de critérios sobre infraestrutura também poderão ser enquadrados na legislação.
O debate sobre responsabilidade educacional ganhou força recentemente. Embora haja previsão legal para a oferta de um ensino de qualidade, a inovação que aparece agora é a de determinar quais serão as punições. Segundo especialistas, depois de décadas de esforço voltado para universalização do acesso, é imprescindível criar mecanismos para cobrar qualidade.
No Senado, o texto do Plano Nacional de Educação (PNE), que pode ir a Plenário amanhã, ganhou trecho que fala da responsabilidade de gestores em caso de não cumprimento das metas. “A experiência ensina que, no Brasil, se não há responsabilização, as metas se transformam em farsa”, disse o relator do PNE no Senado, Alvaro Dias (PSDB-PR).
Ideb. Já o texto que deve ser apresentado na Câmara na quarta-feira estipula o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) como critério – o que divide opiniões. “Nenhum prefeito poderá permitir o retrocesso até atingir a meta do PNE”, diz o relator, deputado Raul Henry (PMDB-PE). “Temos uma péssima realidade da educação, e as vítimas não percebem que são vítimas porque não há pressão pela qualidade.”
Quase mil municípios, que representam 17% do total, apresentaram retrocesso no Ideb 2011 no último ciclo do ensino fundamental. O projeto não prevê metas para o ensino médio, uma vez que no nessa fase o índice é por amostra.
O projeto elenca ainda uma série de parâmetros a serem alcançados, que vão da existência de plano de carreira docente e respeito à Lei do Piso até o atendimento de padrões construtivos das escolas. A gestão de recursos também é citada: tanto a complementação de gastos na área pela União como a omissão de prefeituras na adesão de convênios são passíveis de enquadramento na lei. A esses casos, caberia ação civil.
“É fundamental esse próximo passo: definir as consequências quando o direito social não é efetivado”, defende a diretora da ONG Todos pela Educação, Priscila Cruz. De acordo com ela, a lei não deve ser uma caça às bruxas e precisa prever excepcionalidades, como as contingências orçamentárias.
Crítica ao projeto, a presidente da União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação, Cleuza Repulho, diz que é preocupante que a responsabilidade caia sobre os ombros dos prefeitos. “É inválida a ideia de que o desafio na educação não é de recursos, mas apenas de gestão.” A consultora em educação Ilona Becskeházy diz que é importante criar responsabilidade, mas discorda do critério do Ideb. “A melhor maneira de responsabilizar é expor os prefeitos que vão mal. Assim se busca a maturidade na sociedade.”
Autor: Estadão

HOMEM É DETIDO POR DESACATO


Homem é detido por desacato

Imagem: Roberto Souza

Durante a manhã desta terça-feira (17), um homem terminou detido por descumprir as leis de trânsito em Altamira, Oeste do Pará. O acusado João da Cruz foi detido após desacatar agentes do departamento de trânsito e guardas municipais. Segundo testemunhas João é produtor rural e estava descarregando melancias em local proibido e ao ser abordado pelos agentes desacatou que acionaram guardas municipais e fizeram a detenção.
O mesmo foi encaminhado à delegacia e deu mais detalhes sobre o ocorrido, mas negou o desacato. Seu João foi ouvido pelo delegado de plantão em seguida foi liberado.
Por: Felype Adms (com informações de Fernanda Macieira)

domingo, 15 de dezembro de 2013

URUARÁ: CAMINHÃO CARREGADO DE MADEIRA TOMBA EM LADEIRA NO TRAVESSÃO DO 180 NORTE

Uruará: Motorista sai ileso após caminhão carregado de madeira tombar em ladeira do travessão 180 norte

enviado por Joabe Reis do Sistema Regional de Comunicação em 15/12/2013 20:19
Uruará: Motorista sai ileso após caminhão carregado de madeira tombar em ladeira do travessão 180 norte
Um caminhão madeireiro tombou numa ladeira do travessão 180 norte já chegando na cidade de Uruará. O acidente aconteceu por volta das 18 horas deste domingo, 15, o caminhão estava carregado com 17 metros cúbicos de madeira do tipo maçaranduba.
 
Felizmente o motorista não sofreu um arranhão sequer e segundo ele o acidente só aconteceu porque uma peça do caminhão quebrou quando já terminava de subir a ladeira e ao ter que descer forçadamente foi obrigado a jogar o caminhão no barranco para não atingir algumas pessoas que passavam pelo local, provocando assim o tombamento do caminhão na estrada. A carga era trazida de uma região da floresta a 60 quilômetros distante da cidade.
 
Foi necessário o uso de uma carregadeira para retirada da madeira que foi colocada em outro caminhão, e para desvirar o caminhão que foi arrastado direto para uma oficina.

ALTAMIRA: APROVAÇÃO DO CÓDIGO TRIBUTÁRIO TERMINA COM QUEBRA QUEBRA NA CÂMARA MUNICIPAL

Quebra-quebra e tumulto na câmara municipal após aprovação do projeto de Modernização do Código Tributário de Altamira
Baderna e tumulto na câmara municipal de vereadores em Altamira resulta em danos ao patrimônio público.









Ontem, terça feira (13) com a realização da sessão extraordinária para votação do projeto de lei de modernização do Código Tributário a Câmara Municipal ficou lotada.
Muita gente compareceu na sede do poder legislativo para acompanhar a discussão e votação do projeto de lei que moderniza o código tributário de Altamira. Outras pessoas foram mesmo para causar tumulto e tentar impedir a sessão extraordinária.A manifestação contra a possível aprovação do projeto, poderia ter sido pacífica, mas se transformou em baderna.
Com a confusão a sessão teve de ser interrompida por 10 minutos.
Com os ânimos mais calmos, a maior parte dos vereadores aprovaram o Projeto de Lei do Executivo Municipal de nº 061/2013. Após a aprovação, houve quebra-quebra por parte de um grupo de vândalos, o vidro que separa o salão da plenária foi parcialmente destruído.Do lado de fora, muitas pessoas acompanharam o momento em que o grupo de vândalos foi apreendido pela polícia militar e levado para delegacia.
Retornando a plenária da câmara, o presidente da casa de leis falou d o tumulto e da aprovação do projeto de lei.
Por: Sidalécio Souza

quinta-feira, 12 de dezembro de 2013

ALTAMIRA: VAZAMENTO DE FOTO OBSCENA OBRIGA HOSPITAL REGIONAL DAR EXPLICAÇÕES

“UMA SINDICÂNCIA FOI ABERTA PARA TENTAR IDENTIFICAR O AUTOR DAS FOTOS E COM O RESULTADO MEDIDAS SERÃO TOMADAS” Diz a nota oficial.Vazamento de foto obscena obriga H. Regional a dar explicações

Nas últimas horas o Hospital Regional se viu em uma situação complicada diante de fotos que varam da unidade hospitalar e expõe de forma desumana as condições em que uma vitima de queimaduras graves de 3º grau, a mulher foi internada na última terça-feira as 23:30h. As imagens foram tiradas por um funcionário em um ato isolado de total despreparo profissional, todos os médicos e assistentes envolvidos na luta para salvar a vida de Mirian de Souza de 38 anos, ficaram profundamente indignados com o caso. A foto é forte e mostra partes íntimas da mulher em tratamento intensivo na UTI da Regional.
O caso teve tanta repercussão que o HRTP foi obrigado a disparar uma nota de esclarecimento e repúdio a respeito do episódio, acompanhe na íntegra o que diz o documento enviado a todos os meios de comunicação de Altamira.
_________________________________________________
NOTA DE ESCLARECIMENTO E REPÚDIO
O HOSPITAL REGIONAL PÚBLICO DA TRANSAMAZÔNICA VEM A PÚBLICO SE MANIFESTAR  REFERENTE AS FOTOS DA USUÁRIA M. S., 38 ANOS, QUE DEU ENTRADA NO HOSPITAL COM QUADRO GRAVÍSSIMO DE QUEIMADURAS NO DIA 10 DE DEZEMBRO ÀS 23H41.
O HOSPITAL REGIONAL ESCLARECE QUE:
1)      REPUDIA VEEMENTEMENTE AS FOTOS QUE CIRCULAM REFERENTE À PACIENTE, E INFORMA AINDA QUE ESSA FOI UMA AÇÃO ISOLADA DE ALGUÉM, QUE NOS CAUSOU GRANDE INDIGNAÇÃO;
2)      QUE AS FOTOS NÃO FORAM AUTORIZADAS PELA DIREÇÃO DO HOSPITAL E QUE O MESMO NÃO APROVA AÇÕES COMO ESTAS, QUE EXPÕEM A INTEGRIDADE E FALTAM COM O RESPEITO AOS NOSSOS USUÁRIOS.
3)      PREGA DIOTURNAMENTE QUE TODOS AS PESSOAS TENHAM CONDUTA ÉTICA E MORAL.
4)      UMA SINDICÂNCIA FOI ABERTA PARA TENTAR IDENTIFICAR O AUTOR DAS FOTOS E COM O RESULTADO MEDIDAS SERÃO TOMADAS.
NA TENTATIVA DE IMPEDIRMOS QUE FATOS LAMENTÁVEIS COMO ESTE VOLTEM ACONTECER DE IMEDIATO SERÃO INSTALADAS DE CÂMERAS DE SEGURANÇA NAS UNIDADES DE  ATENDIMENTO DE EMERGÊNCIA DO HOSPITAL, COM O OBJETIVO DE RESGUARDAR A INTEGRIDADE DOS NOSSOS USUÁRIOS, ACOMPANHANTES E COLABORADORES; ALEM DE REFORÇARMOS A PROIBIÇÃO DO USO DE CELULARES NAS DEPENDÊNCIAS DO HOSPITAL POR COLABORADORES, USUÁRIOS E ACOMPANHANTES.
Luciana Benício
______________________________________________
Esse é um recorte da foto em questão, por respeito à família recortamos a imagem.
Vazamento de foto obscena obriga H. Regional a dar explicações
A nota foi expedido no final da manhã desta quinta-feira (12), e explica de forma coerente o ocorrido dentro do Hospital Regional, a vítima de queimaduras de 3º grau morreu ainda na quarta-feira (11) por não resistir aos ferimentos. O corpo esta sendo velado na Rua São Francisco, Bairro Boa Esperança e deve ser sepultado ainda nesta quinta-feira.

Por: Felype Adms.

PARÁ: MULHER QUE ASSALTOU LOJA É PRESA APÓS DIVULGAR FOTOS DO ROUBO NA INTERNET


Reprodução
Foi presa nesta terça-feira (10) uma mulher suspeita de participação no assalto a uma loja na Cidade Nova VI, em Ananindeua, região metropolitana de Belém. A polícia chegou até a jovem, de 21 anos, por meio das redes sociais onde ela estaria exibindo as roupas roubadas da loja.
O assalto ocorreu em novembro, quando a mulher e mais dois homens armados roubaram a loja durante o dia. As funcionárias foram rendidas e obrigadas a encher sacolas com as roupas. Toda a ação, que durou menos de cinco minutos, foi filmada pelo circuito interno de segurança da loja. O dono informou à polícia que o prejuízo foi de R$ 50 mil.
A partir das gravações, a polícia conseguiu identificar os envolvidos. Pelas redes sociais, a jovem foi localizada e detida. "O trabalho de investigação começou pela internet. Por incrível que pareça, foi muito fácil chegar aos suspeitos graças ao Facebook. Identificamos os três", conta o chefe de operações da delegacia da Cidade Nova, cabo Carlos Moreira.
Para a surpresa dos investigadores, as redes sociais não só serviram para identificar os suspeitos, mas também como prova do crime. "No perfil da menina, tinham várias fotos dela vestindo as roupas roubadas. E isso é comum. Cada vez mais os ladrões brincam e se exibem na internet. Eles roubam e postam o resultado do roubo para parecem poderosos, terem algum tipo de fama, dizer que é brabo. Então cada vez mais a internet serve de facilitador das investigaçõs e é ferramenta eficaz para prendermos os criminosos", diz Moreira.
Segundo o policial, como não houve flagrante, a jovem prestou depoimento, foi indiciada e deve ser liberada ainda nesta terça (10). A polícia busca pelos outros dois suspeitos do crime.

quarta-feira, 11 de dezembro de 2013

IMAGENS FORTES::MULHER É QUEIMADA VIVA, E A FILHA É A PRINCIPAL SUSPEITA



Mulher é queimada viva, a filha é acusado pelo crime“Abrimos a casa e minha mãe estava no canto pegando fogo ainda, eu fiz respiração boca-a-boca pra ela voltar a respirar” Relata o filho da vítima.A polícia militar de Altamira acredita que o caso seja mesmo apenas a confusão em família, segundo o Sgtº Marinho, a filha de Mirian estava embriagada no momento no crime.
Nesta terça-feira (10) em Altamira, oeste paraense, um crime macabro aconteceu na região de baixões na Rua 4, conhecido como Tufi. Os bombeiros foram acionados para um ocorrência de incêndio por volta das 23 h e ao chegar no local, viram que uma mulher, Mirian de Souza, 38 anos, estava com o corpo 95% queimado após uma confusão com a filha dentro da residência que foi posta em chamas pela menina, os moradores na tentativa de jogar água terminaram provocando rachaduras na pela da vítima e o corpo ficou deformado.
A mulher se quer conseguia gritar pois perdeu o controle dos músculos, o filho desesperado gritava por socorro e fez até respiração boca-a-boca para que a mãe voltasse a respirar e ele teve sucesso na tentativa, ela foi colocada em uma maca e levada pelos bombeiros para o Hospital Regional da Transamazônica, a roupa que a vítima estava queimou toda no corpo.
A polícia militar esteve no Tufi em várias incursões, e prendeu a filha que foi recolhida na delegacia de polícia civil e o flagrante foi lavrado. O relato do filho que socorreu a mãe é chocante.
Mulher é queimada viva, a filha é acusado pelo crime
Na hora que eu entre eu vi ela no cantinho da casa, ela estava pegando fogo ainda, chamei todo mundo de perto de casa e jogamos água nela, ai ela não estava respirando eu fiz respiração boca-a-boca e chorando ao mesmo tempo, ela começou a respirar, o povo lá chamou os bombeiros e ela foi levada pro hospital” Disse o filho.

Mulher é queimada viva, a filha é acusado pelo crime “A filha dela chegou bagunçando na casa, a mãe tentou reprimir a exaltação da filha, as duas brigaram e a menina jogou álcool, colocou fogo na casa e na mãe, depois trancou a porta, o filho dela e os vizinhos foram quem tiraram a Mirian de dentro da casa” Detalhou o Sgtº Marinho.
COMO O CRIME OCORREU:
Uma confusão entre mãe e filha começou por conta das desobediência da menina, Mirian de Souza (mãe) teria dado um tapa no rosto filha para contê-la, a menina então pegou uma garrafa de álcool jogou na casa e no corpo da vítima, a palafita de madeira incêndio rapidamente e a mãe não conseguiu sair a tempo pois a filha trancou a porta. O filho de Mirian não estava em casa, ao chegar correndo entrou na casa arrancando tabuas por baixo da residência até conseguir apagar o fogo e tirar a mãe de dentro da casa.
HISTÓRICO DA FAMÍLIA:
Mirian de Souza, a filha e o marido de uma das filhas de Mirian tem envolvimento com drogas, a discussão começou exatamente sobre esse assunto, na localidade os moradores apontam a Mirian e a filha como usuárias de crack.

Por: Felype Adms

terça-feira, 10 de dezembro de 2013

ALTAMIRA: MORADORES DE RUA SÃO ASSASSINADOS NA ORLA DA CIDADE

Moradores de rua são assassinados na Orla da Cidade de Altamira

A criminalidade que assola a cidade de Altamira fez hoje mais duas vítimas, dois moradores de rua foram assassinados a pauladas e pedradas. O crime aconteceu durante a madrugada desta terça-feira (10). A Polícia Civil trabalha com duas linhas de investigações: Uma de que “amigos de bar” tenham se revoltado com os dois homens e travado uma briga e outra, é a hipótese de que adolescentes que rondam a Orla da Cidade tenham se juntado para linchar as vítimas.Os corpos estavam com as marcas das agressões e foram encontrados por pescadores e pilotos de voadeiras. A Polícia Militar esteve no local e o IML foi acionado e os corpos foram resgatados. Também foram recolhidos pedaços de madeira e pedras. Na areia onde as vítimas estavam, havia indícios de que houve luta corporal.A Polícia tenta agora possíveis testemunhas e procuram os familiares das vítimas. Com esses Já são 10mortos nos últimos 15 dias em Altamira e região envolvendo atos de violência. O laudo que apontará as causas das mortes deverá sair em dez dias.

Por: Felype AdmsFoto: Carlos CalaçaFonte: Altamira Hoje

CORPO DE HOMEM ASSASSINADO EM URUARÁ FOI ENTERRADO COMO INDIGENTE

Corpo de homem assassinado em Uruará foi enterrado como indigenteCorpo de homem assassinado em Uruará foi enterrado como indigente
enviado por Joabe Reis do Sistema Regional de Comunicação em 10/12/2013 12:42
Por não haver comparecimento de familiares o corpo do homem assassinado a facadas no último domingo na região oeste da cidade de Uruará foi enterrado como indigente no cemitério municipal nesta segunda-feira, 09. A polícia informou que não há ainda informações sobre o autor do crime por falta de colaboração de testemunhas.

POLÍCIA CIVIL FAZ OPERAÇÃO NA TRANSAMAZONICA

Polícia Civil faz operação na TransamazônicaA Polícia Civil deflagrou uma operação surpresa para prevenir e combater diversos tipos de crimes, como roubos, furtos e homicídios, na sede do município de Placas e em comunidades do interior da região, no oeste paraense.
A equipe de policiais realizou, na noite de ontem, abordagens e revistas em pessoas, veículos e bares, localizados nos mais variados bairros do município ao longo da Rodovia Transamazônica. O chamado “Patrulhão Policial” alcançou o objetivo de trazer satisfação à população local, segundo avaliou o delegado Ariosnaldo Vital Filho.
“Ninguém foi preso e não houve registro de crimes graves, contudo, motocicletas foram apreendidas e seus condutores sem habilitação foram conduzidos para a Delegacia de Placas para prestar esclarecimentos e realização de procedimentos cabíveis aos casos”, explicou.
A operação policial contou com a participação de policiais civis da Superintendência Regional do Tapajós, e das Delegacias de Rurópolis e Placas, com supervisão do superintendente regional do Tapajós, delegado Edinaldo Sousa, e investigadores Hércules Araujo (Rurópolis); Fagner André (Placas); Marcos Aldrin (Placas); Lobo (Itatuba) e escrivão Raimundo (Itaituba).
Segundo o delegado, até o final do ano, as investigações serão intensificadas ao longo da rodovia Transamazônica no trecho entre Rurópolis e Placas.


Fonte:http://www.altamirahoje.net

BRASIL NOVO: POLÍCIA CIVIL PRENDEU EM FLAGRANTE HOMEM QUE MATOU AGRICULTOR COM TIRO DE ESPINGARDA

O acusado de cometer o crime, disse que matou o rapaz sem saber em que estava atirando e que está arrependido porque conhecia a vítima.
O crime aconteceu na madrugada do sábado para domingo na vicinal 17, Zona Rural de Brasil Novo, há pelo menos 72 km da sede do município.  Segundo denúncias à Polícia Militar, o agricultor Sr. João Luiz Ferreira, conhecido por “Zé Luiz” matou com um tiro de espingarda outro homem, cuja identidade ainda é desconhecida devido não portar documentos sendo apenas conhecido como “Galego”.João Luiz Ferreira disse que atirou em galego sem saber em quem estava atirando e que se arrepende de ter cometido o crime – “Quando acordei tava um cara dentro de casa bagunçando as coisas, aí tinha passado um pessoal para pescar na beira do rio e deixaram uma espingarda lá. Tava até encima do freezer. Eu levantei doido da cabeça com zoada dentro de casa, no escuro aí disparei a arma. E aí rapas eu fiquei perdido... Fiquei doidinho da cabeça e sem destino. To arrependido porque um cara leva a vida que eu levava lá... tranqüila! Ele era um cara trabalhador, direito... to muito arrependido” – disse o acusado que disse ter jogado a arma do crime no mato.De acordo com o Cabo Fawilly, da Polícia Militar, a crime foi causado devido o excesso de bebida alcoólica – “Fomos remover o corpo junto com o IML e fazer diligências no local lá para ver se encontrava o homicida juntamente com a Polícia Civil. Mais um crime banal tirando a vida de uma pessoa NE, provavelmente por causa de bebida alcoólica e não têm justificativas.” – comentou o Cabo Fawilly da Polícia Militar.João Luiz foi preso na tarde de ontem depois que a polícia recebeu a denúncia de que ele estaria vindo em uma moto em direção ao centro urbano – “Ao chegarmos da diligência na vicinal, por volta das cinco e meia da tarde, recebemos a denúncia de que o homicida estava vindo fugindo em uma moto e saímos mais uma vez em diligência e efetuamos a prisão do mesmo e apresentamos à Depol.” – Informou o investigador Édson da Polícia Civil de Brasil Novo.
Por: Valdemídio SilvaInformações: Isaías BragaFotos: Isaías Braga e PM/BN