segunda-feira, 25 de setembro de 2017

Polícias Civil e Militar prendem acusado de estuprar crianças em Rurópolis


As Polícias Civil e Militar transferiram, nesta sexta-feira, 22, para o Sistema Penitenciário, o preso Sebastião Pedroso Camargo, de 35 anos, que foi preso, ontem, acusado de cometer o crime de estupro de vulnerável, no município de Rurópolis, oeste do Pará. Sebastião Camargo é apontado como autor do abuso sexual de duas sobrinhas, de 8 e 10 anos de idade. A prisão foi realizada por policiais civis da Unidade Integrada de Rurópolis e militares do 17° Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM). A prisão foi em cumprimento a mandado de prisão preventiva. 
Segundo o delegado Ariosnaldo da Silva Vital Filho, titular da Polícia Civil em Rurópolis, o acusado trabalhava como operador de máquinas e serviços gerais em fazendas da região e era tio e padrinho das vítimas. "Sebastião Camargo há aproximadamente dois anos vinha abusando sexualmente das vítimas", ressalta. As crianças costumavam passar o final de semana nas casas dos parentes da região e era durante esse período que ele aproveitava para cometer os crimes.
As investigações começaram no ultimo domingo, dia 17. Os policiais civis e militares trabalharam juntos na tentativa de localizar Sebastião Camargo. "Assim que tomamos conhecimento do crime, realizamos campanas na vicinal do São João, onde ficamos monitorando a chegada do agressor", explica o delegado. Após ser localizado, Sebastião Camargo foi preso e encaminhado inicialmente à Unidade Integrada de Polícia do município para prestar depoimento. Ele foi encaminhado para o Centro de Recuperação de Itaituba e responderá pelo crime de estupro de vulnerável, previsto no artigo 217, do Código Penal.
Por: PC/PA

terça-feira, 19 de setembro de 2017

POLÍCIA CIVIL INVESTIGA PARTICIPAÇÃO DE QUADRILHA NA MORTE DO PM EM PARAUAPEBAS


A polícia investiga se integrantes de uma quadrilha que roubou uma loja na Zona Rural de Marabá, sudeste do estado, tem participação na morte do PM Raimundo Nonato Oliveira de Souza que aconteceu na última segunda-feira (12) no município de Parauapebas.
“Tem dois presos que são de Parauapebas. A gente suspeita que eles tenham envolvimento na morte do cabo conhecido como ‘Santarém’, inclusive na residência de um deles localizado na folha 16 encontramos um carregador de pistola ponto 40 com munição intacta, sendo que ao fazer o rastreamento identificamos que a arma é da polícia”, disse o tenente Alex Valino.
A suspeita da polícia surgiu depois que os policias encontraram na casa de um dos integrantes da quadrilha um carregador de pistola ponto 40 que pertence ao 23º Batalhão de Polícia Militar de Parauapebas. Os integrantes dessa quadrilha foram perseguidos por policiais depois que eles realizaram um assalto em um a loja na vila Sororó que fica localizada entre os municípios de Marabá e Parauapebas.
Os carros usados na fuga foram abandonas as margens da BR 155, um dos veículos pegou fogo. Segundo a Polícia Militar o carro foi atingido por um foco de queimada, o bando fugiu após realizar um assalto, durante a perseguição ouve troca de tiros e dois assaltantes morreram. Os outros dois integrantes da quadrilha conseguiram fugir pela mata.
A quadrilha era formada por seis pessoas, entre elas estão uma mulher que foi presa em flagrante por roubo qualificado e uma adolescente que foi transferida para o Centro de Internação em Belém. Com a parte da quadrilha que foi presa a polícia encontrou armas, celulares e um notebook.
Os dois suspeitos continuam foragidos.
Fonte: G1 Pará

EDITAL DA SEDUC TEM 2.112 VAGAS. VEJA QUAL SERÁ A SUA!

Foi publicado no Diário Oficial da Estado (DOE) da última sexta-feira (15) o contrato para a realização do concurso da Secretaria de Estado de Educação (Seduc).
Assinado no dia 12 de setembro, o documento tem vigência até o dia 11 de setembro de 2018.
A empresa contratada é a Consulplan Consultoria e Planejamento em Administração Pública LTDA, sediada em Minas Gerais.
De acordo com a publicação no DOE, a empresa vai prestar serviço de planejamento, organização, realização, processamento e resultado final para homologação de concurso para seleção de candidatos para provimento de vagas em cargos de nível superior da Seduc.
Ao todo, serão ofertadas 2.112 vagas. Para concorrer será necessário possuir curso superior com formação específica.
A distribuição das vagas pelas respectivas áreas será feita da seguinte forma: artes (136), biologia (24), educação física (23), filosofia(103), física (39), geografia (101), história (98), inglês (193), matemática (731),língua portuguesa (540), química (35) e sociologia (89).
De acordo com o edital de licitação, a taxa de inscrição deverá ser de R$ 140.
A previsão é que o edital seja divulgado em breve. 
Fonte: Dol