quarta-feira, 19 de fevereiro de 2020

DETRAN VAI LEILOAR MAIS DE 500 VEÍCULOS ESTE MÊS



O Departamento de Trânsito do Estado do Pará (Detran) irá leiloar, no fim de fevereiro, mais de 500 veículos automotores presentes nos parques de retenção do órgão dos municípios de Belém, Santarém, Itaituba, Marabá e Parauapebas. Antônio José Silva, explica que “uma das principais metas da realização dos leilões é diminuir a quantidade de veículos nos parques de retenção, que ficam cheios”. A visitação tem início nesta quarta-feira (19) e se estenderão até sexta-feira (21).

Os veículos levados ao pregão  estão divididos em conservados, sucatas aproveitáveis e sucatas aproveitáveis com motor inservível — quando não possuem a possibilidade de voltar à circulação e são destinadas ao comércio de componentes e peças. Todos se encontram no parque de retenção há mais de 60 dias após a notificação prévia dos proprietários sobre os procedimentos de recuperação dos veículos, antes do fim do prazo para que sejam destinados ao leilão.

A avaliação dos lotes é exclusivamente visual, ficando, assim, proibidos procedimentos como manuseio, experimentação e retirada de peças. Aos interessados na participação da avaliação dos lotes, é necessário apresentar documento de identificação oficial com foto. O documento também deverá ser apresentado no dia de realização do leilão, assim como comprovante de endereço atualizado com Código de Endereçamento Postal (CEP), ou ainda Cadastro de Pessoa Física (CPF) e/ou comprovante de emancipação, para menores de idade, quando for necessário.

Representantes de pessoas jurídicas deverão apresentar comprovante de inscrição e de situação no Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica (CNPJ); Registro Comercial, no caso de empresa individual; ato constitutivo; estatuto ou contrato social e última alteração em vigor em sociedades empresariais. Para sociedades por ações, é preciso apresentar documentos de eleição dos administradores, além de identidade com foto e CPF do representante legal. A documentação exigida em ambos os casos poderá ser exigida no original, ou por intermédio de fotocópia integral legível, autenticada em cartório ou acompanhada do original.

Nenhum comentário:

Postar um comentário